TV Centro Sul

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Votação na Câmara de Martinópole termina em confusão, veja as imagens

Uma confusão na Câmara Municipal de Martinópole, a 320 km de Fortaleza, danificou a estrutura do prédio e gerou mal estar entre os vereadores.
O fato começou por causa do impasse sobre a votação da presidência da Câmara. A oposição afirma que a eleição realizada no último dia 15 não é válida, enquanto parlamentares de situação querem legitimar o pleito.
Cadeiras foram quebradas e espalhadas pelo auditório, banheiros destruídos e a sala da presidência foi revirada. Este foi o cenário do local após a confusão ocorrida nessa quinta-feira (29) durante a primeira sessão ordinária do ano. 
A vereadora Bruna Aguiar, que faz parte da base aliada do prefeito, ao lado de três colegas, resolveu colocar em votação uma ata que conforme a eleição, garante sua permanência como presidente do legislativo.
O tumultuo foi iniciado logo após o advogado Nonato Fontenele, filho do ex-prefeito da cidade contestar a eleição realziada no último dia 15 que elegeu a vereadora como presidente da casa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics