TV Centro Sul

domingo, 25 de janeiro de 2015

Youssef pode receber R$ 10 milhões por recuperar recursos desviados em esquema da Petrobras

O doleiro Alberto Youssef, apontado pela Polícia Federal (PF) como um dos chefes do esquema de desvios investigado pela Operação Lava Jato, pode ser recompensado com R$ 10 milhões caso consiga ajudar a recuperar os recursos extraviados dos contratos da Petrobras. De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, o acordo de delação premiada prevê uma taxa de 2% sobre os valores recuperados. Para ganhar R$ 10 milhões, ele teria que ser eficiente em resgatar R$ 500 milhões. "É com essa estimativa que nós trabalhamos. O Alberto conhece muito bem o caminho do dinheiro nos paraísos fiscais", disse em entrevista à Folha o advogado de defesa de Youssef, Antonio Figueiredo Basto. Ele foi o responsável por desenvolver os termos do acordo com o Ministério Público Federal (MPF). De acordo com Basto, o acordo do doleiro é o único dos nove que foram firmados que tem uma cláusula de perfomance ou taxa de sucesso. Apesar do benefício, Youssef deve perder R$ 40 milhões do seu patrimônio se cumprir seu acordo integralmente – esta foi a multa estipulada pelos procuradores que cuidam do caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics