TV Centro Sul

sexta-feira, 13 de março de 2015

Câmara Federal pede que STF notifique Cid Gomes

A Câmara de Deputados acionou, ontem (12), o Supremo Tribunal Federal contra o ministro da Educação, Cid Gomes (Pros). Segundo informações que circulam nos bastidores, os deputados não se convenceram com as explicações de Cid Gomes para sua ausência na Casa na última quarta-feira (11), e pediram que ele seja notificado por sua ausência.
Ontem, a comissão formada pelos deputados Manoel Junior (PMDB-PB), André Fufuca (PEN-MA) e Juscelino Filho (PRP-MA), os três médicos, foram, por orientação de Eduardo Cunha, verificar “in loco” o estado de saúde de Cid Gomes. Os três foram barrados e deixaram a unidade sem ter acesso aos exames e sem visitar o ministro. Cid foi internado no Hospital Sírio-Libanês na noite da terça-feira (10). Segundo o hospital, o ministro foi diagnosticado com sinusite, traqueobronquite aguda (inflamação dos canais que levam o ar para os pulmões) e pneumopatia.
A Secretaria da Mesa, da Câmara Federal, confirmou o recebimento de atestado e o presidente da Casa, Eduardo Cunha, remarcou a data do encontro com Cid Gomes para o próximo dia 18 de março.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics