quinta-feira, 12 de março de 2015

Infraero deve ser desmembrada em três empresas, diz ministro da Aviação Civil

O ministro da Aviação Civil, Eliseu Padilha, afirmou nesta quinta-feira (12) que o governo estuda dividir a Infraero, responsável pela administração dos aeroportos do país, em três empresas. De acordo com Padilha, a medida deve conferir mais agilidade para a estatal. Nas próximas concessões de aeroportos, entres os quais o de Salvador, poderá haver redução da participação acionária da estatal. "O governo está estudando a modelagem e pode ser que se opte por uma posição intermediária", explicou. Ainda segundo Padilha, o desmembramento da Infraero também objetiva ultilizar a mão de obra especializada não aproveitada pelas concessionárias que administram os terminais de Garulhos e Viracopos, em São Paulo, Galeão, no Rio de Janeiro, Confins, em Minas Gerais e Brasília. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics