sábado, 11 de abril de 2015

Cientista brasileira desenvolve aparelho que diagnostica câncer apenas com exame de sangue

A cientista brasiliense Priscila Monteiro Kosaka está desenvolvendo um sensor que garante ajudar no tratamento de câncer, já que detecta a doença antes de qualquer sintoma surgir e sem biópsia ou outros procedimentos invasivos. As informações são do portal Catraca Livre. O sensor ultrassensível precisa apenas de um exame de sangue para descobrir um câncer, através de uma técnica conhecida como bioreconhecimento. A inovação também poderá ser utilizada para auxiliar o diagnóstico de hepatite e Alzheimer. O sensor consegue detectar uma amostra muito pequena entre milhares de células. O sensor trabalha como um trampolim com anticorpos na superfície. Quando a presença do câncer é detectada, eles reagem e ficam mais pesados. Dessa forma, o dispositivo faz com que as partículas mudam de cor. De acordo com testes, o aparelho tem uma taxa de erro de dois a cada 10 mil casos e está sendo testado há quatro anos. O sensor ainda vai passar por algumas modificações para ser comercializado a baixo custo. No momento, a previsão é que as modificações sejam concluídas dentro de 10 anos. O objetivo é que ele seja usado em exames de rotina, dispensando a biópsia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics