TV Centro Sul

quarta-feira, 6 de maio de 2015

PSDB deve propor ação penal contra Dilma

Diante da divisão interna, o PSDB, partido presidido pelo senador mineiro Aécio Neves, recuou e deve propor ação penal contra a presidente Dilma Rousseff (PT) pelas pedaladas fiscais antes de enviar ao Congresso Nacional o pedido do impeachment. De acordo com a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, a legenda quer representar à Procuradoria-Geral da República (PGR) na semana que vem.
Os tucanos estão amparados por parecer do jurista Miguel Reale Jr. e entendem que a eventual condenação de Dilma por crime de responsabilidade abre caminho para o impeachment da petista. Mesmo por atos que foram praticados no primeiro mandato da presidente.
Ainda segundo a publicação, como Rodrigo Janot, procurador-geral da República, já se manifestou pela impossibilidade de processar a presidente por fatos anteriores ao mandato atual, a estratégia tem pouca chance de êxito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics