segunda-feira, 4 de maio de 2015

Vem aí mais um partido político...

Com a intenção de fortalecer o processo de coleta de assinaturas para viabilizar a criação de um novo partido de esquerda, a chamada Unidade Popular Pelo Socialismo (UP), o presidente nacional da comissão provisória formada para legalizar a agremiação, Leonardo Péricles, visitou o Ceará e tentou atrair mais apoio à nova sigla.
Com o pedido já formalizado junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), as lideranças tem agora reunido eleitores a favor da legalização da legenda.

Leonardo Péricles ressaltou que, para a formalização do novo partido, o TSE exige a coleta de pelo menos 477 mil assinaturas, número que representa 0,5% do eleitorado que participou da última eleição. O movimento tem se mobilizado desde janeiro e, até o momento, foram reunidas cerca de 25 mil assinaturas. Já no Ceará, aproximadamente 2 mil eleitores garantiram apoio à nova agremiação.
A linha ideológica do novo partido tem a intenção de resgatar bandeiras históricas da esquerda, segundo Leonardo Péricles. Questionado se as lideranças da agremiação não consideraram como alternativa mais viável a inserção em siglas que já tem esse mesmo objetivo, o presidente nacional alegou que a formalização da UP daria condições de fortalecer mais a ideia de formação de uma frente ampla que teria mais peso em um processo eleitoral.
“A nossa construção não é para dividir a esquerda. É, inclusive, para se somar à esquerda consequente, dar mais força para ela existir”, declarou.

Ceará
Ontem, o presidente nacional da legenda aproveitou a passagem ao Ceará também para entregar ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) um documento com o nome da coordenadora responsável por fazer a coleta de assinaturas no Estado.
Virgínia Ferreira, líder estadual da nova legenda, esclareceu que a mobilização tem se dado, principalmente, com a realização de plenárias em bairros da periferia de Fortaleza, mas revelou o desejo de expandir para o Interior. “Nosso objetivo é também defender aquele cidadão que mora no distrito do Interior”, completou a cearense.
Edson Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics