TV Centro Sul

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Morre aos 88 anos o ex-deputado cearense Paes de Andrade

O ex-presidente interino do Brasil Paes de Andrade morreu aos 88 anos na tarde desta quarta-feira (17) no Distrito Federal. Segundo a secretaria geral do PMDB no Ceará, o ex-político estava internado no hospital Santa Lúcia. Na última semana,  ele passou por uma cirurgia para implantação de uma sonda gástrica e ficou em recuperação na Unidade de Terapia Internsiva (UTI).
Vários políticos lamentaram, por meio de nota, a morte de Paes de Andrade, entre eles o governador do Ceará, Camilo Santana, e a presidente Dilma Rousseff. (Veja abaixo notas de pesar.)
Antônio Paes de Andrade já presidiu a Câmara dos Deputados durante a ditadura militar e foi embaixador do Brasil em Portugal. Ele era um  dos único políticos cearenses ainda vivo a ter participado da sessão que declarou a vacância da presidência da República por volta das 3 horas da madrugada há exatos 50 anos.
Segundo a Câmara dos Deputados, Paes de Andrade nasceu em Mombaça no dia 18 de maio de 1927. Deputado Federal de 1963 a 1999, eleito presidente da Câmara dos Deputados exerceu o cargo no período de 15 de fevereiro de 1989 a 2 de fevereiro de 1991. Como presidente da Câmara dos Deputados, assumiu a Presidência da República por onze vezes no período de 1989/1990.

Ainda de acordo com o site da Câmara, ele levou aos Congressos da União Interparlamentar a manifestação das oposições brasileiras contra a censura à imprensa, a violação dos direitos humanos, as cassações de mandatos parlamentares, as prisões arbitrárias e a extinção de partidos políticos.

Notas de pesar

Políticos de todos os partidos lamentaram a morte do cearense:

Presidente Dilma

Desejo expressar meu pesar pela morte de Antônio Paes de Andrade. Ex-presidente da Câmara dos Deputados e embaixador doBrasil em Portugal, foi importante liderança no PMDB e ativo participante da vida política do País. Perdem o Ceará e o Brasil com a partida de Paes de Andrade. Manifesto meus sentimentos a sua família, amigos e correligionários.

Presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL)

"Foi com muita tristeza que recebemos no dia de hoje a notícia da morte de um dos mais importantes homens dos quadros do meu partido, o PMDB. Antônio Paes de Andrade dedicou a maior parte de seus 88 anos de vida à melhor maneira de fazer política. Prova disso foi a confiança que os cearenses demonstraram em sua figura nas urnas, elegendo Paes de Andrade inúmeras vezes desde 1963. Este nordestino de fibra e coragem chegou a ser sucessor de Ulysses Guimarães, em 1989."

Governo do Estado do Ceará

O Governo do Estado do Ceará manifesta profundo pesar pela morte de Antônio Paes de Andrade, de 88 anos. Nascido em Mombaça, foi um dos grandes políticos da história do Ceará. O advogado e professor foi deputado estadual, federal e assumiu algumas vezes a Presidência da República interinamente entre 1989 e 1991, quando era presidente da Câmara dos Deputados.

PPS

O Brasil perdeu, no dia de hoje, 17, aos 88 anos, um dos nossos mais articulados e combativos militantes das lutas democráticas, o advogado cearense Antonio Paes de Andrade. Iniciando-se na atividade política, desde 1950, nela permaneceu até 2007, e enfrentou, de cabeça erguida, os difíceis tempos da ditadura militar (1964-1985), como deputado federal, nas fileiras do MDB.

Assembleia Legislativa do Ceará

"A sociedade cearense lamenta profundamente o falecimento do ex-deputado estadual, ex-presidente da Câmara dos Deputados e ex-presidente interino do Brasil, Antonio Paes de Andrade. Nome de reconhecido espírito público, prestou grandes serviços ao Ceará e ao País desde a década de 1950. Sua luta pela retomada da democracia no Brasil e a trajetória que se confunde com a do próprio Poder Legislativo são dignas de reconhecimento. Que Deus dê conforto aos familiares e aos amigos neste momento difícil”.

G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics