segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Amigo de Lula diz que ganhou R$ 2 milhões em sorteio da Loteria Federal

O pecuarista José Carlos Bumlai, amigo do ex-presidente Lula e preso na semana passada por suspeita de envolvimento com corrupção na petrobras, figura como ganhador de R$ 2 milhões em sorteio de um título de capitalização realizado pela Polícia Federal.

A "sorte" de Bumlai é uma das dezenas de operações consideradas atípicas e que integram relatório com informações fornecidas pelos bancos ao órgão de inteligência financeira do Ministério da Fazenda. O material está nos autos da Operação Lava Jato.

Segundo a Folha de S. Paulo, o chamado "Pé Quente Bradesdo", que rendeu R$ 2 milhões, foi comprado por ele por R$ 1.000. O número de Bumlai foi sorteado em dezembro de 2012 e a bolada, resgatada em 15 de janeiro de 2013. É o maior prêmio pago anualmente nesse tipo de papel.

O advogado de Bumlai, Arnaldo Malheiros, disse que não poderia comentar por desconhecer detalhes do prêmio recebido por seu cliente. A Bradesco Seguros disse que, de acordo com suas regras internas de "compliance", não fornece nem comenta informações relativas a seus clientes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics