terça-feira, 17 de novembro de 2015

Secretaria de Segurança do Ceará de olho nos boateiros da internet

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) orienta que seja evitada a divulgação, nas redes sociais, de boatos sobre violência e supostos ataques criminosos em Fortaleza. A circulação de falsas informações sobre ações criminosas se intensificou no último domingo, 15, e ontem, especialmente no aplicativo Whatsapp. 

A orientação foi dada pelo secretário-adjunto da SSPDS, coronel Lauro Prado, no fim da manhã de ontem, durante entrevista coletiva na sede da pasta. O coronel pediu que todos evitem os compartilhamentos de áudios que fomentem o clima de terror — que se fortaleceu na Cidade depois da chacina na Grande Messejana na última quinta-feira, 12. Ele relatou que está com policiais especializados na área de informática para identificar de onde estão partindo os boatos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics