TV Centro Sul

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Deputado Leonardo Araújo cobra funcionamento de hospital de Quixeramobim

O  deputado Leonardo Araújo (PMDB) fez pronunciamento, durante o primeiro expediente  desta quinta-feira (11/02),  para cobrar o funcionamento do Hospital Regional de Quixeramobim. Segundo ele, a unidade poderia estar atendendo 650 mil habitantes da região do sertão central, se estivesse em operação.
“Foi um estelionato, quando se construiu uma obra faraônica, sem ter condições de se botar para funcionar. A obra foi inaugurada em período eleitoral sem estar concluída. Faltavam 4% da obra, que era o abastecimento de água. Por isso, não entrou em funcionamento. A adutora necessária não foi construída”, afirmou.
Com um relatório técnico em mãos, o deputado declarou que o documento aponta todas as falhas da obra. O mais grave, segundo ele, é o vencimento do certame público realizado para a contratação de servidores.  “Todos os concursados estão habilitados, mas estão sendo desprezados pela administração pública do Estado”, disse.  
O deputado defendeu que o secretário da Saúde,  Henrique Javi, seja convidado à Assembleia Legislativa, para oferecer os devidos esclarecimentos em relação à obra, e apresentar um calendário para a entrada em funcionamento do hospital.
Em aparte, o deputado Agenor Neto (PMDB) disse que nenhum parlamentar é contra a construção de novos hospitais. Mas é importante que sejam assegurados os recursos para o custeio das unidades construídas, pontuou. O deputado lembrou que a Assembleia aprovou, este ano, mensagem para a contratação de empréstimo para um novo hospital. No entanto, não há qualquer garantia de que haverá verba de custeio, avaliou ele.
O deputado Carlos Felipe (PCdoB) defendeu a união de todos os parlamentares para conseguir os recursos necessários junto ao Governo Federal para colocar o hospital em funcionamento. “Está na dependência apenas do Ministério da Saúde”, disse. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics