TV Centro Sul

terça-feira, 31 de maio de 2016

Camilo desconversa sobre apoio à petista

O governador Camilo Santana (PT) falou pela primeira vez a respeito da decisão do diretório municipal do Partido dos Trabalhadores em escolher a deputada federal Luizianne Lins como candidata da sigla às eleições de outubro.Camilo não escondeu o incômodo com a situação, mas desconversou sobre se apoiará ou não a ex-prefeita no pleito.

"Eu terei o tempo necessário para avaliar e tomar a decisão em relação a isso. No momento certo, vamos tratar das eleições. Minha preocupação nesse momento é cuidar dos cearenses", afirmou Camilo na tarde de ontem, 30, durante visita às obras do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT).

Camilo disse ainda que defendia que houvesse "mais diálogo" dentro do partido para que o grupo do PT ligado a Luizianne voltasse atrás com a ideia de candidatura própria.

"É um momento tão conturbado da política brasileira esse em que a presidente Dilma sofre impeachment e temos um governo provisório. Infelizmente, resolveram tomar a decisão ainda no sábado", lamentou o governador, complementando que solicitou ao diretório municipal um aprofundamento do debate relacionado à sucessão, mas não foi atendido.

O grupo do PT ligado a Camilo e ao presidente estadual De Assis Diniz queria o adiamento da votação do último sábado. No partido, havia a intenção de tentar demover o grupo de Luizianne da tese da candidatura própria. Camilo vinha expressando o desejo de ver o PT apoiando a reeleição do prefeito Roberto Cláudio (PDT).  (João Marcelo Sena) O POVO 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics