quinta-feira, 9 de junho de 2016

Ministério Público aciona mais de 2.000 prefeitos para exigir transparência

O Ministério Público Federal anunciou ontem (8.jun.2016) que vai acionar 2.109 gestores públicos, entre prefeitos e governadores, por não cumprirem o que determinam as leis de transparência no país. A decisão foi tomada a partir de um estudo sobre como as cidades e os Estados oferecem (ou não) acesso a dados públicos. Numa escala de 0 a 10, o 2º Ranking Nacional da Transparência de 2016 registrou uma média de 5,14, segundo relatório divulgado pelo Ministério Público Federal. O índice nacional anterior, produzido em dezembro de 2015, havia registrado 3,92.

Fernando Rodrigues

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics