terça-feira, 17 de abril de 2018

Situação do Açude Trussu é crítica

A quadra invernosa vai passando e o nosso principal manancial que é o Açude Roberto Costa não está tendo a recarga que tanto desejamos. Sem chuvas em Acopiara, Catarina e Jucás, os rios que abastecem o Trussu estão sem força, secos e consequentemente sem aumentar o seu nível.

Sabemos que Deus define tudo e este panorama poderá mudar com chuvas torrenciais que podem acontecer em qualquer parte do Nordeste neste período. Mas já está na hora de termos o pensamento de economizar a nossa água, pequenas ações que fazem uma enorme diferença, fechar a torneira na hora de escovar os dentes, quando estiver ensaboando o corpo, fechar o chuveiro, não lavar a calçada com água e também os carros, utilizando mangueira e jorrando o líquido que é tão precioso.

Estamos apenas com 07% de água, o SAAE de Iguatu que faz um trabalho brilhante para que tenhamos água de qualidade em nossas casas, começa a ter um trabalho maior, pois as águas do nosso Açude Trussu, está perdendo aos poucos a sua qualidade.

Escrevo neste momento, bastante preocupado, após entrevistar o amigo Anatarino Torres que atua na COGERH, e ouvir dele que a situação é crítica do Trussu e todos devem fazer a sua parte. 

Além de economizar e trabalhar com a prevenção, devemos fazer uma outra atitude, rezar, orar, pedir ao nosso Deus que nos envie chuvas nas cabeceiras dos Rios Trussu e Ererê, para que abasteça o gigante Roberto Costa e assim nos garanta até 2019, o líquido precioso em nossas torneiras. Que nosso pai nos atenda... 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics