Mulher é executada a tiros durante velório e acusado é preso em Senador Pompeu

Mulher é executada a tiros durante velório e acusado é preso em Senador Pompeu

- em Centro Sul
1592

A mulher foi atingida por dois tiros na cabeça e teve morte imediata

Um crime registrado na tarde deste domingo (18), chocou os moradores do município de Senador Pompeu, isso porque uma mulher acabou sendo assassinada a tiros durante um velório de um parente de seu esposo.

Segundo informações da Polícia Militar, o crime ocorreu por volta de 17h:30min na rua São Francisco, bairro Pavãozinho, quando uma mulher conhecida popularmente como “Feia”, foi surpreendida por dois elementos que chegaram efetuando vários disparos. A mulher foi atingida por dois tiros na cabeça e teve morte imediata. Logo após o crime, os autores fugiram a pé.

Logo após o crime, a polícia passou a diligenciar e conseguiu prender um dos acusados, conhecido como “Pica”. O segundo elemento já foi identificado mas continua foragido. O corpo da vítima foi encaminhado ao IML de Quixeramobim para realização dos devidos procedimentos.

Deixe um Comentário

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja também

MPCE recomenda vistorias a estabelecimentos que comercializam alimentos em Acopiara

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE),